Search
Close this search box.
Anúncios

O que é coronavírus?
O Coronavírus pertence a uma família de vírus que causam entre outros males, infecções respiratórias tanto em animais como em seres humanos que podem variar desde sintomas leves a graves.

Em 1937 foram descobertos os primeiros casos de coronavírus em humanos, recebendo isolameto.

Mas, essa família de agentes patogênicos foi descrita como coronavírus somente em 1965, pois visto pelo microscópio os cientistas observaram que essa classe de vírus tem um formato parecido com uma coroa.

Curiosamente, os coronavírus são a segunda causa principal de resfriados comuns no mundo.

De acordo com a classe científica, raramente essa família de vírus levavam humanos a doenças mais graves até poucas décadas atrás.

Apenas no século XXI, mais precisamente em 2009, foi registrado o primeiro surto pandêmico com alta taxa de mortalidade, devido aos sintomas graves causados pelo vírus.

Há sete coronavírus humanos (HCoVs) conhecidos, entre eles o SARS-COV (que causa síndrome respiratória aguda grave), o MERS-COV (síndrome respiratória do Oriente Médio) e o SARS-CoV-2 (vírus que causa a doença COVID-19).
O que é o Covid-19?
O Covid-19 é a doença infecciosa causada por um novo vírus da familia coronavírus em humanos. Foi identificado pela primeira vez na cidade chinesa Wuhan, em dezembro de 2019.

Em 30 de janeiro de 2020 a Organização Mundial da Saúde (OMS) classificou o alto nível de contágio do novo coronavírus (COVID-19) como surto epidêmico, declarando Emergência de Saúde Pública de Importância Internacional – o mais alto nível de alerta da Organização, conforme previsto no Regulamento Sanitário Internacional.

Com um pouco mais de um mês o COVID-19 foi detectado em outros continentes, alterando o quadro de transmissão local (casos de pessoas infectadas com Covid-19.

Mas tiveram contato com um paciente infectado que havia viajado para um dos países com registro da doença) para comunitária (um paciente infectado com Covid-19 não viajou para o exterior e transmitiu para outra pessoa também que não viajou).

Em 11 de março de 2020 a OMS caracterizou como uma pandemia e em pouco tempo surgiram cerca de 1.279.722 casos de COVID-19 no mundo (68.766 novos em relação ao dia anterior) e 72.614 mortes até 7 de abril de 2020.

Com base nos dados atuais, 81% dos casos parecem ter doença leve ou moderada, 14% parecem progredir para doença grave e 5% são críticos.

Pessoas idosas e com condições de saúde pré-existentes (como pressão alta, doenças cardíacas, doenças pulmonares, câncer ou diabetes) parecem desenvolver doenças graves com mais frequência do que outros.

Até o momento, não há vacina nem medicamento antiviral específico para prevenir ou tratar a COVID-2019.

As pessoas infectadas devem receber cuidados de saúde para aliviar os sintomas, entretanto, caso estejam com sintomas graves como falta de ar aguda devem ser hospitalizadas imediatamente.
Leituras relacionados a Covid-19

Coronavírus (Covid-19)

O que é coronavírus?
O Coronavírus pertence a uma família de vírus que causam entre outros males, infecções respiratórias tanto em animais como em seres humanos que podem variar desde sintomas leves a graves.

Em 1937 foram descobertos os primeiros casos de coronavírus em humanos, recebendo isolameto.

Mas, essa família de agentes patogênicos foi descrita como coronavírus somente em 1965, pois visto pelo microscópio os cientistas observaram que essa classe de vírus tem um formato parecido com uma coroa.

Curiosamente, os coronavírus são a segunda causa principal de resfriados comuns no mundo.

De acordo com a classe científica, raramente essa família de vírus levavam humanos a doenças mais graves até poucas décadas atrás.

Apenas no século XXI, mais precisamente em 2009, foi registrado o primeiro surto pandêmico com alta taxa de mortalidade, devido aos sintomas graves causados pelo vírus.

Há sete coronavírus humanos (HCoVs) conhecidos, entre eles o SARS-COV (que causa síndrome respiratória aguda grave), o MERS-COV (síndrome respiratória do Oriente Médio) e o SARS-CoV-2 (vírus que causa a doença COVID-19).
O que é o Covid-19?
O Covid-19 é a doença infecciosa causada por um novo vírus da familia coronavírus em humanos. Foi identificado pela primeira vez na cidade chinesa Wuhan, em dezembro de 2019.

Em 30 de janeiro de 2020 a Organização Mundial da Saúde (OMS) classificou o alto nível de contágio do novo coronavírus (COVID-19) como surto epidêmico, declarando Emergência de Saúde Pública de Importância Internacional – o mais alto nível de alerta da Organização, conforme previsto no Regulamento Sanitário Internacional.

Com um pouco mais de um mês o COVID-19 foi detectado em outros continentes, alterando o quadro de transmissão local (casos de pessoas infectadas com Covid-19.

Mas tiveram contato com um paciente infectado que havia viajado para um dos países com registro da doença) para comunitária (um paciente infectado com Covid-19 não viajou para o exterior e transmitiu para outra pessoa também que não viajou).

Em 11 de março de 2020 a OMS caracterizou como uma pandemia e em pouco tempo surgiram cerca de 1.279.722 casos de COVID-19 no mundo (68.766 novos em relação ao dia anterior) e 72.614 mortes até 7 de abril de 2020.

Com base nos dados atuais, 81% dos casos parecem ter doença leve ou moderada, 14% parecem progredir para doença grave e 5% são críticos.

Pessoas idosas e com condições de saúde pré-existentes (como pressão alta, doenças cardíacas, doenças pulmonares, câncer ou diabetes) parecem desenvolver doenças graves com mais frequência do que outros.

Até o momento, não há vacina nem medicamento antiviral específico para prevenir ou tratar a COVID-2019.

As pessoas infectadas devem receber cuidados de saúde para aliviar os sintomas, entretanto, caso estejam com sintomas graves como falta de ar aguda devem ser hospitalizadas imediatamente.
Leituras relacionados a Covid-19

O autismo e algumas descobertas da ciência

O autismo e algumas descobertas da ciência

Aqui nesse texto iremos conversar um pouco sobre as descobertas do exímio pesquisador Charles Nelson sobre o desenvolvimento de crianças de abrigos.

Arte Conhecimento intuitivo do mundo

Arte: Conhecimento intuitivo do mundo

A arte tem sido um dos caminhos para nutrição da saúde, reduzindo sintomas de estresse, ansiedade e desesperança, diante da pandemia.

Subscribe to My Newsletter

Subscribe to my weekly newsletter. I don’t send any spam email ever!